8 anos depois

Nos aniversários passados, agradeci por várias vezes aos leitores, aos amigos, aos colaboradores e a toda a gente que, de uma forma ou outra, contribuiu para manter o site no ar durante este tempo todo. Não o farei outra vez este ano. Ao invés, permitam-me que agradeça a todos aqueles que deram contributos ao contrário e que não foram menos úteis como fonte de motivação. Aos “parece-mal”, aos “não tem graça”, aos “não percebi”, aos “tem muito cuidado quando andares sozinho na rua”, aos que levaram ideias emprestadas e nunca as devolveram, aos que levaram textos inteiros pelo mesmo caminho, aos “parceiros” incapazes de concretizar “projectos” vazios, ao senhor director, ao senhor doutor e ao senhor professor, aos malucos (incluindo os dois ou três colaboradores e co-autores que nunca o foram), ao jornalista que andou durante anos a dizer que o site lhe pertencia e a usá-lo para ganhar currículo, jurando que o meu nome era um pseudónimo inspirado pelo nome artístico de um cantor pimba. E a ti também, que vens aqui religiosamente e fazes de conta que não. Aquele abraço.

Renato Carreira

Comentar

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *