Vítor Gaspar em Corte!

“Ou os portugueses encaram com determinação a prossecução do equilíbrio orçamental e a redução da dívida pública como objetivos permanentes, mantendo um empenho contínuo no processo de ajustamento ou regressam ao atavismo de comportamentos ultrapassados, desconsiderando os sacrifícios realizados e os progressos alcançados.”

clicar para engrandecer

Comentar

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *