Beto recomenda que Portugal saia do programa de assistência antes do apito da troica

t_114426_heroi-do-sevilla-na-decisao-da-liga-europa-nesta-quarta-feira-o-goleiro-beto-se-destacou-contra-o-benfica

O guarda-redes português do Sevilha, equipa que conquistou a Liga Europa diante do Benfica no desempate por pontapés da marca de grande penalidade com dois penáltis defendidos por Beto, recomendou ao primeiro-ministro que a saída portuguesa do programa de assistência financeira ocorra antes da data indicada pelos organismos que constituem a troica. Passos Coelho ligou a Beto para o congratular pela conquista, tendo ouvido da boca do internacional português que “fazer coisas antes de tempo pode ter resultados muito positivos”.

O futebolista, que passou por clubes como Porto, Chaves, Braga, Cluj e Leixões, anunciou já que pretende criar uma escola de guarda-redes com o intuito de formar jovens no seu peculiar método de defesa de penáltis, que envolve sair disparado da baliza antes do apito do árbitro, num esforço para segurar a bola antes mesmo que esta seja pontapeada.

Beto será um dos condecorados por Cavaco Silva no próximo 10 de Junho, esperando-se que se antecipe e arranque a medalha das mãos do Presidente durante anúncio do seu nome de quatro letras apenas.

Entretanto, soube-se também que a estátua de Béla Guttmann recentemente inaugurada no Estádio da Luz será equipada com suporte de papel higiénico e transferida para uma das casas de banho do complexo.

Os comentários sucumbiram a uma epidemia de peste suína.