Partido de Marinho e Pinto defenderá tudo o que é bom e será contra tudo o que é mau

img_708x350$2014_05_25_20_36_38_224123

O novo partido que Marinho e Pinto pretende fundar será defensor acérrimo de conceitos positivos como a liberdade, a democracia ou a felicidade e declarar-se-á completamente contrário a conceitos negativos como a corrupção, o desemprego ou a caspa.

Isto mesmo foi vociferado pelo atual ex-eurodeputado do MPT, aproveitando ainda para anunciar que, após reflexão, decidiu doar 90% do seu vencimento ultrajante como membro do Parlamento Europeu a uma instituição de solidariedade: a Fundação Marinho e Pinto para Auxílio a Antigos Bastonários da Ordem dos Advogados que se Chamem Marinho e Pinto.

Em relação ao motivo do “divórcio” com o partido pelo qual foi eleito, a inÉpcia apurou que, certo dia, Marinho e Pinto terá chegado à sede do MPT, encontrando o seu partido a cometer atos contranatura com o Partido pelos Animais e pela Natureza.

Comentar

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *