Fabricante português de luzes de Natal critica atribuição do Nobel a inventores de LED azul

301-00

Zózimo Balboa, proprietário da Luminalcoa, empresa de Alcobaça especializada no fabrico de luzes coloridas para a época natalícia e outras ocasiões festivas, tem sido o maior crítico da atribuição do Nobel da Física aos três cientistas japoneses responsáveis pela invenção do LED azul.

“Quer-se dizer”, afirma o empresário português, com o ultraje provocando brotoeja, “há mais de trinta anos que fabrico luzes de todas as cores e feitios para clientes em todo o país e dão o Nobel a uns chineses só por dizerem que inventaram uma lâmpada azul? Se era para isso, davam-me o prémio a mim que preciso mais e sou responsável por iluminar festas no Portugal inteiro!”

Para anular a decisão, Zózimo Balboa interporá em breve uma providência junto do Conselho de Arbitragem da Federação Portuguesa de Futebol.

Comentar

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *