Ceia de Natal da família Espírito Santo promete ser divertida

bes2-b999

A próxima consoada dos Espírito Santo promete ser a mais divertida em muitos anos, depois do clima simpático criado entre primos na comissão parlamentar de inquérito ao caso BES. José Maria Ricciardi partilhou com os deputados todas as suas queixas do primo Ricardo, indo ao ponto de contar como este lhe roubava os Action Men (não os populares brinquedos, que ainda nem existiam na sua infância, mas sim pobres de Cascais a quem a família pagava para servirem de brinquedo às crianças, vestindo-se de astronautas, cowboys ou soldados).

Antes, Ricardo Salgado tentara demonstrar o seu bom caráter, declarando-se inocente e afirmando que nunca foi realmente o “dono disto tudo”. Em sua opinião, “o dono disto tudo é o povo português” e atreveu-se a deixar um pedido: “Podem tratar-me por Dr. Povo Português para não cairmos em excessos de familiaridade.”

Independentemente do desconforto criado entre os membros do clã Espírito Santo, a quadra natalícia não deixará de unir a família, mesmo com as desavenças passageiras que possam existir. Com ou sem desentendimentos, os Espírito Santo continuarão a trocar punhais afiados e nacos de veneno como prenda de Natal, consumindo o tradicional bebé humano assado em sangue de virgens.

Comentar

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *