Crítica de Passos Coelho a quem vive na fantasia ofende hobbits do PSD

the-shire

Os halflings social-democratas não gostaram de ouvir o líder criticar quem vive na fantasia durante o encerramento do congresso da JSD em Braga, considerando-se injustiçados pelas palavras de alguém que dizem ter apoiado desde o início com dedicação comparável apenas à de Sméagol para com o seu precioso.

A indignação dos hobbit laranja foi veiculada pelo seu líder, Mosco Brandybuck, falando à porta do buraco-sede na Lapa. “Os hobbits são conhecidos em toda a Terra-Média como gente pacífica e que não gosta de armar confusões”, refere, “mas, desta vez, somos obrigados a considerar que o Dr. Passos Coelho se comportou como uma autêntica besta.”

Quanto ao contingente élfico do partido, fonte anónima assegurou que os elfos do PSD esperarão pacientemente que Passos Coelho deixe de ser “uma besta”, um luxo ao alcance apenas de seres imortais.

Comentar

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *