Varoufakis disposto a pagar dívida grega em géneros

Greek Finance Minister Varoufakis looks on before the first major speech of Greek PM Tsipras in parliament in Athens

Entre os pontos apresentados pelo ministro das Finanças grego para substituição do plano de fornicação da Grécia sustentado pela União Europeia encontra-se a sua disponibilidade a título pessoal para efetuar pagamentos “em géneros” que permitam abater a dívida. A expressão usada foi ambígua e não foram prestados esclarecimentos adicionais, intrigando as mais altas esferas da política internacional.

Não se sabe se Varoufakis proporá pagar parcelas da dívida com fornecimentos de mármore, sapatos com pompons ou iogurte, três das principais exportações da Grécia, ou se será outra coisa qualquer. A única coisa que se sabe, por enquanto, é que o casaco de cabedal que o ministro usou no seu périplo europeu poderá ter bolsos escondidos para ocultar objetos de natureza brejeira.

Perante toda esta ambiguidade, a chanceler alemã, Angela Mendes, manifestou já o total repúdio da Alemanha pelo incumprimento do programa da troica e disse isso mesmo em mensagem enviada para Atenas com um post scriptum no qual deu a entender que poderia não estar a usar roupa interior no momento da redação. Entretanto, Maria Luís Albuquerque considerou “absurda” a proposta do seu homólogo grego mas não conseguiu evitar um suspiro e um ligeiro rubor na face.

Comentar

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *