Inépcia: s.f. (do latim "ineptia") 1-Falta de aptidão ou habilidade. 2-Imbecilidade 3-Acto ou dito absurdo.
www.inepcia.com

Governo apresenta primeira Secretaria de Estado ambulante

Dando seguimento à vontade manifestada por Santana Lopes de descentralizar o Governo, instalando ministérios e secretarias de estado fora de Lisboa, o ministro da Presidência, Nuno Morais Sarmento, anunciou que a Secretaria de Estado das Bolachas de Água e Sal será instalada numa roulotte em constante digressão pelo país.

Depois de a Secretaria de Estado da Agricultura e Alimentação ter sido transferida para a Golegã, acabando com séculos de concentração do poder na capital e inaugurando um período dourado para a democracia portuguesa assente no eixo Lisboa-Ribatejo, a Secretaria de Estado ambulante promete trazer o governo da nação até ao Portugal profundo.

Para Morais Sarmento, “esta medida demonstra que a vontade de descentralização é real” e garante que não se repetirá o incidente com o Secretário de Estado da Agricultura, David Geraldes, que acabou por levar uma cornada quando não conseguiu achar a Golegã no mapa e foi parar a uma herdade de criação de gado bovino. “Estamos a proceder à implantação de chips em todos os membros do executivo que permitirá efectuar a sua localização por satélite logo que consigamos achar um satélite em bom estado e que não seja muito caro porque a crise continua,” refere, acrescentando que “o meu chip, por exemplo, está implantado atrás da orelha esquerda de forma perfeitamente discreta e permite-me ainda sintonizar três canais de televisão que são depois projectados na palma da minha mão esquerda.”

A roulotte em que será instalada a Secretaria de Estado das Bolachas de Água e Sal é uma Camper 3500 SP, a coqueluche do mercado internacional das roulottes, e está equipada com todos os elementos essenciais a um órgão governativo como, por exemplo, centro de comunicações, sala para conferências de imprensa, garagem com capacidade para 12 viaturas, sauna, um pequeno snack-bar onde os motoristas das 12 viaturas poderão ler os jornais desportivos enquanto esperam por alguma coisa para fazer e até um curioso autómato humanóide na forma de uma mulher anafada de 55 anos habilitado para dactilografar documentos e atender telefones para trocar pela secretária boazona de 22 anos quando a mulher do Secretário de Estado visitar o marido no local de trabalho.

O titular do cargo é José Alberto Marrazes, licenciado em coisa nenhuma pela Escola Especial para Crianças com Dificuldades de Aprendizagem da Maia e não esconde o entusiasmo com que aceitou este desafio. “Estou aqui para ajudar os portugueses no que for preciso e fico à espera que venham ter comigo e me exponham os seus problemas... se me conseguirem encontrar,” afirma.

Quanto à necessidade real de Portugal ter uma Secretaria de Estado que lide exclusivamente com bolachas de água e sal, uma área que nem sequer é tão problemática como a dos caramelos de fruta, o ministro da Presidência explicou que “são conhecidos os problemas mentais do doutor José Alberto Marrazes e achamos que é de uma indelicadeza atroz criticar a atribuição de competências governativas a alguém com estas características particulares,” acrescentando que o mesmo é válido para a ministra da Educação.

Recuar