E-zine satírico sem corantes nem conservantes

Carrilho pode deixar Bárbara e casar com alguém que dê mais votos

O candidato socialista à Câmara Municipal de Lisboa, Manuel Maria Carrilho, poderá tomar uma decisão drástica de âmbito familiar num esforço para conseguir recuperar da diferença percentual que separa a sua candidatura da do social-democrata Carmona Rodrigues de acordo com as sondagens. Ao que a Inépcia apurou, essa decisão poderá passar pela separação da actual companheira, a mediática Bárbara Guimarães, e sua substituição por alguém que, de acordo com os especialistas em marketing político do PS, represente uma mais-valia mais significativa para o candidato.

“Não é uma decisão que se tome de ânimo leve mas, em política, há alturas em que é necessário fazer cedências e sacrificar o bem-estar pessoal à defesa da causa pública,” afirmou Carrilho, visivelmente combalido pela derrota anunciada, pela eventualidade da separação forçada ou por problemas do foro gástrico.

Também Bárbara Guimarães se mostrou resignada, não escondendo que uma separação do seu actual companheiro e pai do filho, Dinis Maria, não lhe agradaria mas compreendendo a necessidade do sacrifício em prol de valores mais elevados. “Acho que Baudelaire conseguiu sintetizar o que se sente numa situação como esta de forma magistral quando disse que réduire l'imagination à l'esclavage, quand bien même il y irait de ce qu'on appelle grossièrement le bonheur, c'est se dérober à tout ce qu'on trouve, au fond de soi, de justice suprême. La seule imagination me rend compte de ce qui peut être, et c'est assez pour lever un peu le terrible interdit ; assez aussi pour que je m'abandonne à elle sans crainte de me tromper,” explicou, retocando o carmim dos lábios.

Entre as possibilidades já estudadas de novas companheiras para Manuel Maria Carrilho, merecem destaque Catarina Furtado, Marilyn Monroe e Maria José Valério. No entanto, visto que Catarina Furtado não estará muito disponível para assumir um compromisso amoroso por motivo de agenda sobrecarregada por um compromisso já existente com o actor João Reis, e estando Marilyn Monroe igualmente indisponível por motivos de morte, o casamento com a mulher que dá alma e voz à “Marcha do Sporting” poderá ser a solução e garantir o voto verde e branco. Em relação à eventualidade de Carrilho poder contrair matrimónio com o avançado do Benfica, Pedro Mantorras, tal não passará por enquanto de uma possibilidade remota.

www.inepcia.com