E-zine satírico sem corantes nem conservantes

Gipsy Kings espancados em Coruche

O popular grupo francês Gipsy Kings foi alvo de agressões durante um concerto na vila ribatejana de Coruche como represália pelos actos de violência praticados por alguns elementos da comunidade cigana local. Como é sabido, o grupo é composto exclusivamente por ciganos e tornou-se popular com composições como "Volare", "Djobi Djoba" ou "Bamboleo," levando a música cigana aos tops em vários países do mundo. Recentemente, a popularidade amainou e foi precisamente para contrariar essa tendência e regressar à ribalta que os Gipsy Kings decidiram agendar uma digressão em Portugal que permitiria ainda avaliar o impacto das novas composições e limar arestas antes de enfrentar o público internacional.

Os incidentes registaram-se na noite do concerto em Coruche, integrado nas Festas de Santa Jacinta de Bolonha, padroeira dos piercings genitais. De acordo com o vocalista, Nicolas Reyes, "tínhamos acabado de subir ao palco quando eu cumprimentei o público e perguntei se estavam prontos para um pouco de animação cigana. De um momento para o outro, começaram a chover objectos e houve pessoas a tentar subir ao palco. Tivemos de fugir para salvaguardar a nossa integridade física."

Para o presidente da comissão das festas de Santa Jacinta e campino em part-time, Constâncio Almeida, "foi um deslize motivado pela ansiedade em que temos vivido nos últimos tempos devido à insegurança provocada por alguns indivíduos de etnia cigana. No fundo, somos gente pacífica e tolerante."

Opinião inversa têm os representantes dos ciganos de Coruche. "Não se faz uma coisa destas aos nossos irmões franceses! Esta gente é muito ruim," afirmou Paco Lopes, ancião cigano, antes de tentar vender à Inépcia um carregamento de quatrocentas camisolas da marca "Lakoste" que garantiu serem "da última colecção" e "a preço de amigo."

Quanto aos Gipsy Kings, mostram-se desconsolados com o incidente e confessam que o trauma pode fazê-los perder a cabeça e levá-los a dedicar-se à música techno.

www.inepcia.com