E-zine satírico sem corantes nem conservantes

Gomes da Silva perde a língua em acidente trágico

O ministro dos Assuntos Parlamentares, Rui Gomes da Silva, foi vitimado por um trágico acidente que resultou na amputação da língua e que foi provocado por um engenho explosivo de potencial destrutivo reduzido que introduziu na boca por acidente.

Tudo aconteceu durante um jantar na residência oficial do primeiro-ministro para o qual tinha sido convidado por Santana Lopes. Após o jantar, Santana Lopes terá oferecido ao ministro um brigadeiro de chocolate confeccionado por Margarida Prieto, que consta ser uma doceira de mão cheia, e que confessou ser o último dos vários que lhe tinham sido enviados e que devorara com avidez por ser um grande guloso.

Gomes da Silva agradeceu o gesto e logo introduziu o brigadeiro na boca. Antes de ter tempo para o mastigar, o brigadeiro explodiu, atingindo-lhe a língua e provocando queimaduras na mucosa bucal que, de acordo com os médicos, não oferecem preocupações.

“É uma tragédia,” confessou o primeiro-ministro, visivelmente emocionado, “Convidei o senhor ministro para este jantar para lhe mostrar que não guardava ressentimentos depois do incidente recente provocado pelos comentários feitos a respeito do professor Marcelo Rebelo de Sousa e acontece uma coisa destas. Não descansarei enquanto não forem apuradas responsabilidades.”

De acordo com os médicos, Gomes da Silva não poderá voltar a falar mas poderá voltar em breve ao desempenho das suas funções governativas, fazendo-se entender por intermédio de gestos, o que será facilitado pelo facto de Pedro Santana Lopes ser fluente nesta forma de linguagem e poder interpretar tudo o que o ministro disser.

No entanto, a explosão não provocou a amputação da língua do ministro de uma forma directa. Ao que a Inépcia apurou, a língua ficou apenas parcialmente cortada e só se soltou depois de bocejar com um copo de água que o primeiro-ministro lhe deu para a mão e que desconhecia conter acidentalmente algumas gotas de ácido sulfúrico.

A este respeito, Margarida Prieto revelou já não saber fazer brigadeiros e não ter jeito nenhum para coisas com chocolate ou com engenhos explosivos. Aguardam-se desenvolvimentos a todo o instante.