Inépcia: s.f. (do latim "ineptia) 1-Falta de aptidão ou habilidade. 2-Imbecilidade 3-Acto ou dito absurdo.
www.inepcia.com

Prémios

Arquivo | Frescas | Link | Pré-História | Inépcia 2

Por participar em duas fases finais de competições importantes sem marcar um único golo e pelo pior timing possível para mudarem a sua reputação, a Inépcia tem o prazer de atribuir este prémio Parabéns, Pá à

Selecção nacional grega


Por ajudar a mostrar aos portugueses o perigo que corremos ao depositar a nossa saúde nas mãos daquelas criaturas pérfidas que cozinham, remendam meias, usam soutiens e engravidam por tudo e por nada, a Inépcia tem o prazer de atribuir este prémio Parabéns, Pá a

Luís Filipe Pereira


Por servir de pretexto para as manifestações de degradação humana mais asquerosas e por ser a inspiração da maior superfície comercial da zona centro, a Inépcia tem o prazer de atribuir este prémio Parabéns, Pá a

Nossa Senhora de Fátima


Por explicar a todos que "contenção de custos" significa fazer apenas uma gala dia sim, dia não, e porque a televisão pública está mesmo a mudar (de logotipo e instalações), a Inépcia tem o prazer de atribuir este prémio Parabéns, Pá à

RTP


Nós não queríamos mas o senhor entrou por aqui dentro aos pontapés a tudo e a gritar que ou lhe dávamos "o raio do prémio a que tinha direito" ou "dava cabo desta merda toda," por isso, a Inépcia vê-se forçada a atribuir este prémio Parabéns, Pá a

Avelino Ferreira Torres


Pela extrema sensibilidade revelada por todos os intervenientes que tanto choram pela morte de um colega, como rejubilam com a honra que é organizar o Euro como a seguir se envolvem nas mais degradantes cenas de pugilato e em polémicas absurdas, a Inépcia tem o prazer de atribuir este prémio Parabéns, Pá ao

Futebol Português


Pelo modo ponderado e tranquilo como reagiu à divulgação de uma carta anónima que o implicava no processo Casa Pia, dando importância a algo que não a devia ter e deixando parte dos portugueses a pensar "será que este também...?" como nenhum jornal seria capaz, a Inépcia tem o prazer de atribuir este prémio Parabéns, Pá a

Jorge Sampaio


Por demonstrar aos portugueses que já chega de nos submetermos a uma comunicação social inconsciente e a profissionais dos media que dizem o que lhes vem à cabeça sem pensar no público, a Inépcia tem o prazer de atribuir este prémio Parabéns, Pá a

Manuela Moura Guedes


Por ter ignorado a vasta escolha de jornalistas sérias, inteligentes e casadoiras que temos em Portugal e ter escolhido uma espanhola sem jeito nenhum, a Inépcia tem o prazer de atribuir este prémio Parabéns, Pá a

Filipe de Bourbon e Grécia


Pelo trabalho meritório ao serviço do direito dos portugueses à informação e por terem posto o país a pensar no processo digestivo de Ferro Rodrigues, a Inépcia tem o prazer de atribuir este prémio Parabéns, Pá à

SIC


Pelo golpe de mestre que foi passar o aumento das propinas para a responsabilidade dos reitores depois de lhes ter cortado os fundos e por parecer um lavrador pouco esclarecido apesar do apelido com Y, a Inépcia tem o prazer de atribuir este prémio Parabéns, Pá a

Pedro Lynce


Por ter conseguido reduzir as mais de mil mortes provocadas pela vaga de calor a metade e, depois disso, a apenas 4 num exercício magistral de aritmética, a Inépcia tem o prazer de atribuir este prémio Parabéns, Pá a

Luís Filipe Pereira


Por ter justificado a trasladação e o funeral com honras militares de uma personalidade polémica com o facto de "ter evitado a instalação de um regime comunista em Timor", a Inépcia tem o prazer de atribuir este prémio Parabéns, Pá a

Paulo Portas


Por serem chatos como o raio, por terem passado tanto tempo a lutar por uma causa absolutamente inútil para todos menos para os políticos locais e por terem conseguido o seu objectivo, a Inépcia tem o prazer de atribuir este prémio Parabéns, Pá ao Movimento para a Restauração do Concelho de

Canas de Senhorim


Pelo magnífico trabalho realizado e pela preocupação pedagógica em mostrar aos iraquianos o que não deve acontecer numa democracia (prisões arbitrárias, nomeação de líderes por decreto, disparos contra manifestantes pacíficos), a Inépcia tem o prazer de atribuir este prémio Parabéns, Pá à

Administração Americana do Iraque


Por estar a um pequeníssimo passo de se tornar mais irritante do que George W. Bush com as expressões estudadas de propósito para a televisão, com o ar perpétuo de bom rapaz e pela atitude de cãozinho obediente, a Inépcia tem o prazer de atribuir este prémio Parabéns, Pá a

Tony Blair


Pelo brilhante raciocínio político que o levou a considerar que nada prova que a Coreia do Norte não seja uma democracia e por provar de forma inequívoca que a senilidade não é exclusiva dos idosos, a Inépcia tem a honra de atribuir este prémio Parabéns, Pá a

Bernardino Soares

Recuar