Inépcia: s.f. (do latim "ineptia") 1-Falta de aptidão ou habilidade. 2-Imbecilidade 3-Acto ou dito absurdo.
www.inepcia.com

Governo preparado para o submarino do aborto

O governo português garante estar na posse de informações seguras segundo as quais a organização holandesa “Women on Waves” está a preparar o envio de um submarino, contendo a bordo uma clínica médica autorizada a fazer abortos com o objectivo de proceder a interrupções voluntárias da gravidez fora das águas territoriais nacionais, contornando assim a lei portuguesa.

Trata-se da segunda tentativa da “Women on Waves” de trazer o flagelo do aborto até Portugal depois de um barco fretado pela organização ter sido impedido de se aproximar da costa por navios da Armada.

“Portugal está preparado para enfrentar todos os desafios deste género e garanto aos portugueses que as nossas forças armadas estarão à altura,” garantiu o ministro da Defesa Nacional e grão-mestre da Confraria das Cuecas de Renda, Paulo Portas. Para fazer frente a esta nova ameaça, o ministro tomará as medidas necessárias para acelerar a aquisição de novos submarinos para a marinha de guerra.

As informações sobre os planos da “Women on Waves” foram recolhidas pelo SIEDM (Serviço de Informações Estratégicas de Defesa e Militares) recorrendo aos mais avançados meios de captação e tratamento de dados e a uma ovelha de aspecto ternurento que os agentes do SIEDM costumam usar para fins lúbricos entre uma operação e outra.
Para Afonso Pires, sub-director-adjunto do SIEDM e o homem mais popular da feira nacional de ovicultura de Beja, “é difícil prever do que serão capazes estas holandesas depravadas porque quem mata um embrião inocente é capaz de outros actos igualmente hediondos.”

Segundo informações já recolhidas, é provável que, se o submarino do aborto não conseguir aproximar-se da costa portuguesa, a “Women on Waves” tome medidas desesperadas que poderão passar pelo recurso a um avião fretado que sobrevoará o território nacional sem autorização e de onde serão lançadas pára-quedistas do aborto equipadas com pílulas abortivas ilegais e panfletos ilustrados com instruções de utilização de vários meios contraceptivos e outras obscenidades do género.

Recuar